Kim Kardashian ganha milhões de dólares em processo contra marca

A socialite tinha processado a Missguided USA por usar sua imagem…

Kim Kardashian ganhou um processo contra a marca fashion Missguided USA, depois de entrar com uma ação que acusava a empresa de usar seu nome e semelhança para vender cópias de suas roupas.

Segundo o site TMZ, a empresária de 38 anos recebeu US$ 2,7 milhões (R$ 10,3 milhões) em indenização – além de mais de US$ 60 mil (R$ 230 mil) em honorários legais.

Kardashian originalmente pediu uma indenização superior a US$ 10 milhões. Missguided supostamente nunca respondeu ao processo, e um juiz sentenciou a marca a indenizar a mulher de Kanye West.

Kim entrou primeiro com uma ação contra a empresa em fevereiro, depois que a companhia promoveu um vestido dourado idêntico ao que Kim havia usado anteriormente, vendendo o exemplar muito mais barato do que o original, de um dos designs da Yeezy de Kanye West.

Missguided tem usado frequentemente fotos de Kim Kardashian para promover seus modelitos, marcando-a nas redes sociais e levando alguns a acreditar que ela estava realmente trabalhando com a empresa (que ela negou repetidamente).

No veredicto, o juiz concordou que a empresa de fast fashion ‘repetidamente usou o nome e a aparência de Kardashian sem permissão em suas plataformas de mídia social para promover a venda de suas roupas’. Missguided agora está permanentemente impedida de usar as marcas registradas de Kardashian para vender seus próprios produtos.